Remédio experimental para doenças no fígado pode prevenir Covid-19

O UDCA, usado para tratar doenças no fígado, pode prevenir a infecção por Covid-19 e proteger contra futuras variantes.

Cognys

  • 06/12/2022
  • 0
  • 0
  • 1
Favoritar
A expectativa é que o medicamento proteja também contra futuras novas variantes da Covid-19. (Fonte: iStock)

Um estudo realizado por cientistas da Universidade de Cambridge, na Inglaterra, publicado nesta segunda-feira (5) identificou que o medicamento UDCA pode auxiliar na prevenção da COVID-19. Inicialmente, o medicamento é usado para tratar cirrose biliar primária, colestase intra-hepática e outras condições colestáticas.

Para realizar a pesquisa, os cientistas estudaram órgãos para doação, animais, pacientes e mini-órgãos criados a partir de células-tronco. Segundo a publicação, o medicamento, que ainda não é patenteado, é capaz de fechar a porta pela qual o vírus Sars-CoV-2 entra nas células.

Como o remédio tem como alvo as células hospedeiras, e não o vírus, a expectativa é que ele proteja contra futuras novas variantes da Covid-19, bem como outros coronavírus que possam surgir. O interesse dos cientistas é encontrar formas alternativas de proteção contra a Covid-19 que não dependam do sistema imunológico. Dessa forma, o tratamento poderia complementar a vacinação.

Link da notícia completa, clique aqui.

fonte: Metrópoles