Plano de vacinação aponta para 77 milhões de pessoas nos grupos prioritários

A atualização incluiu trabalhadores industriais e portuários, além de detalhar cada um dos grupos prioritários.

Cognys

  • 22/01/2021
  • 0
  • 0
  • 0
Favoritar
Lista atualizada do Ministério da Saúde prevê 77 milhões de pessoas nos grupos prioritários. (Fonte: Reprodução/G1)

O Ministério da Saúde atualizou o Plano Nacional de Operacionalização da Vacinação contra a Covid-19 na última quarta-feira (20) e trouxe algumas mudanças. Entre elas, o número previsto de pessoas a serem selecionadas como grupo prioritário. Ao todo, serão 77,2 milhões, um aumento significativo em relação à primeira versão, que previa 49,6 milhões de pessoas.

O documento incluiu nos grupos prioritários trabalhadores industriais e trabalhadores portuários. Ao todo, são 21 categorias que serão incluídas nas 3 primeiras fases de vacinação, consideradas prioritárias.

No documento, o Governo Federal, através do Ministério da Saúde, garante que o país tem garantidas mais de 354 milhões de doses da vacina contra a COVID-19. Essa quantidade vem de acordos com a Fiocruz (254 milhões de doses), Instituto Butantan (100 milhões) e Covax Facility (42,5 milhões).

Link da notícia completa, clique aqui.